Grupo do Whatsapp Cuiabá
Agronegócio

Dicas Cruciais para o Manejo de Grãos em Silos após Enchentes no Rio Grande do Sul

2024 word2
CRM Com Automação Canal Mídia

No rastro da devastadora que assolou o Rio Grande do Sul, trazendo consigo danos a diversos silos e estruturas de armazenagem, a Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ) lança um alerta sobre os cuidados especiais requeridos no manejo dos armazenados. Em meio a essa emergência, a Comissão Técnica da Câmara Setorial de Máquinas e Equipamentos para Armazenagem de Grãos (CSEAG) da ABIMAQ elaborou um prático, destacando a importância de seguir rigorosamente os procedimentos abaixo ao lidar com os grãos armazenados em silos inundados:

Risco de Colapso: A inundação pode ocasionar uma expansão dos grãos, aumentando a pressão interna e consequentemente levando ao colapso estrutural do silo. Nesse sentido, é crucial isolar a área afetada para prevenir acidentes.

Avaliação Estrutural: Antes de qualquer intervenção, é imperativo que um profissional qualificado avalie a estrutura. Caso haja indícios de ruptura, a área deve permanecer isolada até que seja determinada uma forma segura de descarregar o silo.

Descarga do Silo: Somente após a avaliação e liberação por parte do profissional qualificado, os silos podem ser descarregados de cima para baixo, utilizando-se equipamentos apropriados. Abrir as chapas laterais não é recomendado.

Gases Asfixiantes: A decomposição dos grãos devido à umidade pode gerar gases nocivos à . Portanto, é imprescindível não adentrar ambientes como silos sem um detector de gases apropriado.

Risco de Incêndio e Explosões: Os gases gerados são inflamáveis, e os grãos e poeira podem ocasionar . Trabalhos a quente devem ser evitados sem o uso de equipamentos de proteção adequados.

Seleção dos Grãos: Apenas os grãos secos e livres de agentes patogênicos devem ser aproveitados. Grãos encharcados devem ser prontamente descartados.

Autocombustão: O excesso de umidade pode desencadear superaquecimento e autocombustão dos grãos. Avaliações estruturais e descargas controladas são essenciais para prevenir esse problema.

A ABIMAQ ressalta a importância de seguir essas orientações à risca, visando garantir a segurança de todos os envolvidos no manejo dos grãos em silos afetados por enchentes.

Fonte: portaldoagronegocio

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.