Grupo do Whatsapp CuiabĆ”
AgronegĆ³cio

Radar Agro Julho 2024: Panorama promissor para o mercado de suĆ­nos

2024 word3

A Consultoria Agro do ItaĆŗ BBA divulgou o Agro Mensal de julho de 2024, apresentando uma anĆ”lise detalhada do setor suinĆ­cola, que continua a apresentar um cenĆ”rio remunerador apesar dos custos de produĆ§Ć£o em ascensĆ£o. Os preƧos do suĆ­no tĆŖm acompanhado esse aumento de custos, mantendo spreads elevados e margens favorĆ”veis para os produtores. AlĆ©m disso, o setor tem mostrado robustez nas , com a abertura e ampliaĆ§Ć£o de mercados diversificados.

Custos e preƧos em equilƭbrio

Estima-se que os custos de produĆ§Ć£o na tenham aumentado cerca de 2,3% em junho, enquanto o preƧo do animal vivo subiu um pouco mais, alcanƧando um spread de 12%, equivalente a R$ 86 por cabeƧa. Em comparaĆ§Ć£o com junho de 2023, o do animal estĆ” 14,5% mais alto, enquanto os custos aumentaram 3%.

ExportaƧƵes e mercado internacional

A oferta de suĆ­nos tem sido equilibrada com a demanda neste ano, evitando grandes oscilaƧƵes nos preƧos como observado em anos anteriores. Embora as exportaƧƵes acumuladas atĆ© maio tenham registrado um crescimento modesto de 1,5% em comparaĆ§Ć£o com o mesmo perĆ­odo de 2023, Ć© importante destacar que o fluxo de exportaƧƵes no ano passado foi recorde.

A significativa de 39% nas exportaƧƵes para a China neste ano, equivalente a 65 mil toneladas a menos, impactou o mercado. No entanto, outros paĆ­ses tĆŖm mostrado desempenhos positivos, como Filipinas (+26 mil t), JapĆ£o (+13 mil t), CorĆ©ia do Sul (+9,5 mil t), VietnĆ£ (+5 mil t) e outros. O market share da China nas exportaƧƵes brasileiras de suĆ­na in natura caiu de 39% em janeiro a maio de 2023 para 24% no mesmo perĆ­odo deste ano.

Perspectivas futuras

Espera-se que as margens na suinocultura se mantenham favorĆ”veis nos prĆ³ximos meses, beneficiadas pelo cenĆ”rio de custos de raĆ§Ć£o favorĆ”vel e pela gestĆ£o equilibrada da produĆ§Ć£o em relaĆ§Ć£o Ć  demanda interna e externa. A diversificaĆ§Ć£o dos destinos de exportaĆ§Ć£o tambĆ©m tem moderado o impacto das menores compras chinesas. A possibilidade de aumento das importaƧƵes chinesas devido a atritos com a UniĆ£o Europeia parece improvĆ”vel no curto prazo, apesar das investigaƧƵes antidumping em curso.

Embora o Brasil possa ser beneficiado por uma maior demanda da China no , a competiĆ§Ć£o europeia em outros mercados pode limitar esse impacto. Ainda assim, os preƧos em alta do leitĆ£o na China e da carne suĆ­na indicam uma reduĆ§Ć£o do excesso de oferta observado no ano anterior, sugerindo um mercado mais equilibrado e com perspectivas promissoras para os produtores brasileiros.

Fonte: portaldoagronegocio

Sobre o autor

Avatar de RedaĆ§Ć£o

RedaĆ§Ć£o

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidƔria que possa impulsionar mudanƧas positivas na sociedade.