Grupo do Whatsapp Cuiabá
Agronegócio

Boletim do Suíno de abril: Análise completa disponível no site do Cepea – Confira agora!

2024 word3

O Boletim do Suíno do Cepea referente ao mês de abril já está acessível para consulta em seu site oficial. Nesta edição, são abordados diversos aspectos que impactaram o setor suinícola durante o período analisado.

Mercado em abril

Com a demanda interna por produtos suinícolas em baixa e uma oferta robusta de animais no mercado spot, os preços do suíno vivo experimentaram uma significativa em praticamente todas as regiões monitoradas pelo Cepea em abril. Na região SP-5, composta por Bragança Paulista, Campinas, Piracicaba, São Paulo e Sorocaba, o valor médio do animal diminuiu 1,9% em relação a março, sendo negociado a uma média de R$ 6,55/kg em abril.

Preços e exportações

Os números das exportações brasileiras de suína, abrangendo tanto produtos in natura quanto processados, demonstraram um crescimento substancial de março para abril. Segundo dados da Secex analisados pelo Cepea, foram enviadas 111,6 mil toneladas de produtos suinícolas em abril, representando um aumento significativo de 23,1% em comparação com março de 2024 e 8% acima do registrado em abril de 2023.

Relação de troca e insumos

A queda nos preços do suíno vivo no mercado independente durante abril impactou negativamente o poder de compra dos suinocultores paulistas em relação ao farelo de soja. Por outro lado, em relação ao milho, houve uma melhoria na situação do produtor no último mês, uma vez que o preço do cereal recuou mais do que o do animal. Na região SP-5, o preço médio do suíno diminuiu 1,9% de março para abril, atingindo a média de R$ 6,56/kg.

Carnes concorrentes

A competitividade da carne suína em relação à bovina e à de registrou um declí em abril. Isso se deve ao fato de que as proteínas concorrentes apresentaram uma desvalorização mais acentuada do que a suína, quando comparadas as médias de abril com as de março, especialmente no atacado da Grande São Paulo. Levantamento do Cepea indica que os preços dos produtos suinícolas iniciaram abril refletindo o típico aumento da demanda durante o período de recebimento de ários.

Confira Boletim do Suíno de abril

Fonte: portaldoagronegocio

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.