Grupo do Whatsapp Cuiabá
Agronegócio

A Importância da Devolução Correta de Resíduos de Defensivos Agrícolas: InpEV Conscientiza sobre a Destinação Adequada

2024 word1

A destinação correta das sobras ós-consumo de defensivos agrícolas, que incluem resíduos de produtos químicos registrados, é uma prática essencial para a proteção do meio ambiente. O Sistema Campo Limpo, gerido pelo Instituto de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV), promove essa iniciativa desde 2015, tendo já destinado adequadamente mais de 777 toneladas de embalagens com resíduos.

Com a Resolução Conama 465, de 2014, os agricultores têm a permissão para devolver embalagens contendo sobras de defensivos em cerca de 250 unidades de recebimento do Sistema Campo Limpo. Essas unidades incluem 100 centrais e cerca de 150 postos de recebimento, todos aptos a receber esses resíduos. A devolução deve seguir procedimentos específicos, semelhantes aos aplicados para as embalagens vazias.

Procedimentos para Devolução

Para efetuar a devolução, os agricultores devem seguir um passo a passo simples:

  • Agendamento: Faça o agendamento eletrônico no site agendamento.inpev.org.br ou localize a unidade de recebimento mais próxima.
  • Preparação: As sobras devem ser entregues dentro das embalagens originais, devidamente tampadas.
  • Entrega: Leve as embalagens com as sobras até a central ou posto de recebimento.

Nas unidades de recebimento, os resíduos são separados entre sólidos e líquidos, colocados em embalagens plásticas de resgate, e armazenados em um espaço segregado dos demais materiais. Posteriormente, esses resíduos são encaminhados para incineração, um procedimento certificado e ambientalmente adequado.

“Esse processo faz parte da logística reversa de defensivos agrícolas, um segmento no qual o Brasil é um caso de sucesso mundial. A incineração é essencial para evitar danos ao meio ambiente e à humana”, destaca Antonio Carlos do Amaral, gerente de Operações do inpEV.

infografico-inpev

Sobre o Sistema Campo Limpo e o inpEV

O Sistema Campo Limpo (SCL) é o programa brasileiro de logística reversa de embalagens vazias e sobras pós-consumo de defensivos agrícolas, baseado no princípio das responsabilidades compartilhadas entre agricultores, fabricantes, registrantes, canais de distribuição e com o apoio do público. O SCL atende cerca de 1,8 milhão de propriedades rurais em todo o país, de acordo com o censo agrícola de 2017.

O inpEV, com mais de 20 anos de atuação, é a entidade gestora do Sistema Campo Limpo, regulamentado pela Lei Federal nº 14.785/2023 e pelo Decreto Federal 4.074/2002. Trata-se de uma instituição sem fins lucrativos, composta por mais de 195 fabricantes e nove entidades representativas da indústria, canais de distribuição e agricultores.

Para mais informações sobre o processo de destinação correta de sobras pós-consumo de defensivos agrícolas, consulte o infográfico disponibilizado pelo inpEV.

: portaldoagronegocio

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.