Grupo do Whatsapp Cuiabá
Tecnologia

Streaming de conteúdo tem crescimento de 60% no mercado brasileiro

2024 word1

O serviço de streaming tem crescido continuamente no . O número de habitantes que assistiram a , como séries, filmes e documentários, aumentou 60% entre 2016 e 2022.

Por de 140 milhões de brasileiros usaram a internet para ver vídeos em 2022. Esse mesmo público fechou em pouco menos de 90 milhões no ano de 2016.

Os dados da Pesquisa Nacional de Domicílios Contínua (Pnad). O estudo é mantido pelo . De acordo com levantamento, os serviços pagos de streaming já fazem parte de 43% dos lares no Brasil.

Por sua vez, o de televisão por assinatura está em declínio. Em 2016, cerca de 37% dos lares do país contratavam alguma operadora de canais pagos. No ano de 2022, pouco menos de 28% ainda mantinham algum pacote.

+ Leia mais sobre Tecnologia em Oeste

“Em 2022, entre os domicílios sem TV por assinatura, 35,3% não adquiriam esse serviço por considerá-lo caro, e 53,7% não tinham interesse”, escreve o instituto. “Cerca de 9,2% não tinham o serviço de TV por assinatura porque acessavam vídeos (inclusive de programas, filmes ou séries) pela internet, enquanto 1,1% não dispunha do serviço na localidade em que residia.”

Serviço pago de streaming no Brasil

As regiões Centro-Oeste e Sul estão empatadas com a maior proporção de domicílios com serviços pagos de streaming no Brasil: 50%. Na sequência aparecem Sudeste (48%), Norte (37%) e Nordeste.

Acesso à internet

A popularização do acesso à internet é um dos fatores que permitem o crescimento do setor. Em 2016, cerca de 70% dos municípios brasileiros não estavam conectados. Em 2022, o número saltou para 91,5% — e banda larga é uma realidade em quase todos eles.

“A banda larga tem sido o principal tipo de conexão à internet nos domicílios, variando entre 99,7% e 99,9% entre 2016 e 2022”, informa o .

Fonte: revistaoeste

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.