Grupo do Whatsapp Cuiabá
Política

Neto de Lula desafia acusações: querem comprovar que o avô é ladrão

2024 word1
CRM Com Automação Canal Mídia

Thiago Trindade, neto do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, desafiou aqueles que acusam o petista de corrupção a apresentarem evidências concretas que comprovem tais alegações. Ele lançou o desafio em um vídeo divulgado no Instagram, na segunda-feira 1º.

O neto de Lula sugeriu aos interessados em comprovar os crimes do presidente que consultem o ex-juiz e senador e o ex-deputado Deltan Dallagnol, os principais símbolos da Operação Lava Jato. Quem conseguir provar os crimes atribuídos ao petista, disse Thiago, será reconhecido como herói pelos conservadores.

Lula foi condenado em três instâncias, por nove juízes diferentes. Em 2022, meses antes das eleições presidenciais, o ministro anulou algumas condenações do petista. Isso possibilitou sua candidatura à Presidência.

O ex-presidente foi condenado por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá, em 2018, em decisão proferida por Sergio Moro. Posteriormente, a pena foi aumentada em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região () para 12 anos e um mês. Em um segundo caso, referente ao sítio em Atibaia, Lula recebeu uma nova condenação, em 2019, somando mais 12 anos e 11 meses à sua pena.

Apesar das condenações, Lula foi solto em novembro de 2019 por causa de uma determinação do de que a pena só poderia ser cumprida depois do esgotamento de todos os recursos possíveis.

Fonte: revistaoeste

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.