Grupo do Whatsapp Cuiabá
Notícias

6 chás para aliviar os sintomas da gripe: descubra as melhores opções!

2024 word2

Sabe aquela gripe chata que, eventualmente, nos afeta? Os sintomas da Influenza – febre, dor de cabeça, dor de garganta, coriza e mal-estar – podem ser amenizados com alguns chás à base de medicinais.

O Primeira Página conversou com a nutricionista cuiabana Iohana Muxfeldt, que explicou o preparo de seis tipos de chás; confira abaixo:

Nutricionista Iohana Muxfeldt explica os benefícios de 6 tipos de chás no combate à gripe. (Vídeo: Primeira Página)

Chás contra gripe 🍵

O uso de chás caseiros feitos com plantas que podem aliviar alguns sintomas, não é novidade. Na verdade, é um hábito que ultrapassa gerações.

Quem é que nunca tomou um chá preparado por pais ou avós, por exemplo, ouvindo eles afirmarem que a bebida poderia curar uma doença que estivesse nos afetando?

A nutricionista comportamental Iohana Muxfeldt afirma que existem seis tipos de chás que podem auxiliar no tratamento da gripe; são eles:

  • Chá de hortelã;
  • chá de guaco;
  • chá de casca de laranja;
  • chá de dente-de-leão;
  • chá de alecrim;
  • chá de gengibre.
2024 word2
Consumo de chás à base de plantas medicinais pode aliviar sintomas de gripe. (Foto: Freepik/Ilustrativa)

Propriedades medicinais🌿

Para entender melhor como os chás naturais podem ajudar nos sintomas gripais, Iohana Muxfeldt contou sobre as características e benefícios de cada uma das plantas citadas acima.

Nutricionista Iohana Muxfeldt dá dicas sobre chás que podem auxiliar nos sintomas de gripe. (Foto: Redes Sociais)
Nutricionista Iohana Muxfeldt dá dicas sobre chás que podem auxiliar nos sintomas de gripe. (Foto: Redes Sociais)

Guaco e hortelã

Popularmente conhecido como ‘erva-de-cobra’, o guaco funciona como um expectorante, sendo um grande aliado na melhora da tosse e eliminação de mucos ou da coriza.

A hortelã tem propriedades medicinais muito parecidas com as do guaco, e ainda pode funcionar como um analgésico natural, aliviando as dores de cabeça ou corporais, segundo a nutricionista.

Além disso, ambos podem agir como anti-inflamatórios, antioxidantes e antidiarreicos.

Casca de laranja

A vitamina C não é a única propriedade da casca de laranja. Ela é composta pelo bioativo hesperidina, que além de combater os sintomas gripais, a fortalecer a imunidade, como explica a nutricionista.

O chá de casca de laranja também tem ações anti-inflamatórias e antioxidantes. Ele pode ser preparado com a casca fresca ou desidratada.

Dente-de-leão

O dente-de-leão tem propriedades antioxidantes e possui vitaminas A e C. Por isso, ele também é citado pela nutricionista como uma boa forma de aumentar a imunidade e se prevenir contra a gripe.

Alecrim

O alecrim tem propriedades que melhoram a digestão, ajudam na dor de cabeça e em inflamações.

Além disso, como explica Muxfeldt, ele é antibiótico, antisséptico, depurativo, antiespasmódico e diurético, sendo indicado para o tratamento de diversos problemas de saúde.

Gengibre

Um ótimo anti-inflamatório, anti-bacteriano e analgésico, o chá de gengibre é uma ótima forma de combater dores de garganta e outros sintomas de resfriados.

A nutricionista lembra que, no caso do gengibre, ele deve ser fervido com a água no preparo do chá, aumentando a aborção das propriedades da planta.

Outra dica é que ele pode ser consumido sozinho ou adicionando limão e canela.

Alecim, gengibre, dente-de-leão e hortelã estão entre os chás que podem combater sintomas de gripe. (Foto: Freepik/Ilustrativa)
Alecim, gengibre, dente-de-leão e hortelã estão entre os chás que podem combater sintomas de gripe. (Foto: Freepik/Ilustrativa)

Como preparar os chás?

Primeiro, a nutricionista cuiabana lembra que esses chás devem ser ingeridos por três vezes ao dia, no máximo. A pessoa pode complementar a hidratação com outras fontes de líquidos, como sucos e, principalmente, água.

Para os chás de ervas, dilua uma colher da erva em 300 ml de água. Já para raízes e cascas, ferva junto com a água e deixe em decocção por 10 minutos.

No caso de chás feitos com folhas, elas devem ser colocadas na água após a fervura, deixando o recipiente tampado (em infusão) de cinco a 10 minutos.

Outro ponto explicado pela nutricionista é sobre o uso do mel como adoçante dos chás, que é uma forma mais saudável e natural de dar um gosto mais saboroso às infusões, já que o mel também possui propriedades anti-inflamatórias.

E para que o seu sistema imunológico realmente consiga combater a Influenza, os chás devem ser combinados com uma alimentação correta, rica em frutas e vegetais.

Alerta sobre os chás ⚠️

Ainda conforme a nutricionista, os chás citados acima podem ser ingeridos por crianças a partir de 1 ano. Já idosos, gestantes ou lactantes devem buscar autorização de um profissional da saúde para consumirem.

Vale lembrar que as dicas da nutricionista não excluem a importância e a necessidade do acompanhamento .

Além disso, não devemos esquecer que a vacinação é a forma mais eficaz de prevenção contra a gripe e suas complicações.

A gripe

A gripe é uma infecção aguda do sistema respiratório, provocado pelo vírus da influenza, com grande potencial de transmissão.

O Ministério da Saúde adverte que o tratamento deve ser iniciado em até 48h após os primeiros sintomas, para evitar uma piora no quadro.

Dentre os principais sintomas gripais, estão:

  • Febre;
  • tosse;
  • coriza;
  • dor de garganta;
  • dor no corpo;
  • dor de cabeça;
  • diarreria;
  • mal-estar.

Fonte: primeirapagina

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.