Grupo do Whatsapp Cuiabá
Mundo

‘Putin anuncia aumento histórico nos investimentos militares da Rússia’

2024 word2
CRM Com Automação Canal Mídia

Durante uma reunião do Conselho de Segurança da nesta quarta-, 15, o presidente Vladimir Putin anunciou um gasto militar recorde desde a Guerra Fria. Serão destinados 8,7% de seu PIB à defesa em 2024, o maior porcentual desde o colapso da União Soviética, em 1991.

O presidente russo apresentou o novo ministro da Defesa, Andrei Belousov, que substitui Serguei Choigu, que permaneceu mais de uma década no cargo. Choigu agora passa a atuar como secretário do conselho consultivo.

O

Putin ressaltou a importância desse investimento.

“Certamente não é 13%, como era o caso na União Soviética, mas ainda é uma quantia sólida”, explicou o presidente russo, “um grande recurso, que nós temos de usar de forma muito cuidadosa e eficiente”.

Os 13% mencionados por ele referem-se ao gasto durante a Guerra Fria, nos anos 1980, impulsionado pela corrida armamentista com os Estados Unidos, que contribuiu para o desmantelamento do Estado soviético.

Histórico de gastos militares

Desde o fim da Guerra Fria, o gasto militar da Rússia diminuiu, variando entre 3% e 4% do PIB a partir de 1992, com uma queda acentuada para 2,7% durante a crise econômica de 1998.

Nos primeiros anos de Putin no poder, o gasto estabilizou-se em torno de 3,5%, mas aumentou após sua reeleição em 2012, alcançando 4,85% em 2015, um ano após a anexação da Crimeia.

Recentemente, o Instituto Internacional de Estudos Estratégicos (IISS) revisou a estimativa de 4% para 5,83% em 2023, e, agora, Putin elevou ainda mais para 8,7% em 2024.

General fica no cargo

Durante o encontro, o presidente russo também confirmou a permanência do chefe do Estado-Maior, general Valeri Gerasimov, no cargo.

Gerasimov, considerado o cérebro por trás das decisões do ex-ministro Choigu, que, apesar de não ser militar, alcançou a patente de general de Exército, foi criticado pelo desempenho inicial da guerra.

“Eu quero deixar claro a todos: a unidade do trabalho de combate evoluiu”, disse Putin ao lado de Choigu e Belousov, “funciona de forma rítmica, opera de forma bem-sucedida e não há mudanças esperadas aqui”.

Ofensiva no norte da Ucrânia

Putin elogiou as recentes ações das forças russas, que estão em ofensiva no norte da Ucrânia,. A operação militar tem colocado a defesa ucraniana em uma situação crítica, segundo a inteligência militar de Kiev.

“As forças russas estão avançando em todas as frentes de acordo com o plano”, declarou Putin, “neste ano fazendo avanços diários em todas as áreas”.

Fonte: revistaoeste

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.