Grupo do Whatsapp Cuiabá
Mundo

Menino de 4 anos sobrevive após ficar 19 horas com coração parado: Milagre divino

2024 word1
CRM Com Automação Canal Mídia

Um verdadeiro milagre! Cartier McDaniel, um menino de apenas quatro anos, sobreviveu após ficar 19 horas com o coração sem bater. O pequeno ficou doente, mas o que parecia ser um resfriado comum se transformou em uma infecção grave.

Ele teve uma parada cardíaca. Os médicos o colocaram em aparelhos de suporte vital e tentaram de tudo para trazê-lo de volta, mas as perspectivas não eram boas.

A família até se reuniu no hospital para se despedir. De repente, o coração voltou! Nem os médicos conseguiram explicar o que aconteceu, mas para a mãe de Cartier, Destiny Anderson, não há dúvidas: “foi Deus”.

O diagnóstico 

Destiny é norte-americana e contou que o garoto começou com uma febre. Ela deu a ele um Tylenol e esperou que fosse passar, mas no dia seguinte o pequeno piorou.

A mãe correu para o hospital sem saber que estava prestes a enfrentar um dos momentos mais desafiadores da vida dela.

Cartier teve uma infecção causada pela bactéria Streptococcus, o que desencadeou uma resposta grave do corpo chamada sepse.

Quando os médicos disseram que Cartier não apresentava perspectivas de melhora, Destiny entrou em desespero.

“Foi o momento da minha vida”, contou. “Todo o quarto do hospital estava girando. Eu estava tremendo. Eu não conseguia acreditar que isso estava acontecendo”.

Fé em ação 

O suporte vital mantinha Cartier temporariamente vivo, mesmo com o coração sem funcionar.

Durante as 19 horas, os médicos avaliaram o quanto os outros órgãos seriam danificados pela falta de oxigênio e tentavam reanimar o coração.

À mãe só cabia orar, orar e orar.

“Ele estava em suporte vital, mas era apenas uma questão de tempo até que a máquina parasse de funcionar”, lembrou a mãe.

Leia mais notícia boa

O dia do milagre 

Os médicos disseram à família que Cartier provavelmente não sobreviveria e todos foram para o hospital.  Uns estavam na sala de espera, outros oravam ao lado da cama de Cartier.

“Não vou mentir, tinha dúvidas de que tudo ia ficar bem. Sou humana”, disse Destiny. “Eu estava tentando fazer as pazes para que isso fosse o que Deus queria.”

Cheia de fé, ela disse que pediu a Deus para que estivesse com o filho.

Logo depois, o coração de Cartier começou a bater.

Continua em recuperação 

A médica achava que Cartier ficaria cego porque a parte do cérebro que regula a visão foi danificada pela falta de oxigênio.

Mas outro milagre aconteceu: ele não perdeu a visão!

É possível que ele tenha ficado com danos em outros órgãos, mas ainda é cedo para saber, afirmaram.

Agora, Cartier luta bravamente pela recuperação. Ele enfrentou múltiplas cirurgias e continua em tratamento intensivo.

Todos na torcida para que, logo, logo, ele volte para casa!

Cartier ainda está se recuperando no hospital, mas o pior já passou! - Foto: arquivo pessoal

Cartier ainda está se recuperando no hospital, mas o pior já passou! – : arquivo pessoal

O pequeno Cartier com a mãe Destiny. - Foto: arquivo pessoal

O pequeno Cartier com a mãe Destiny. – Foto: arquivo pessoal

Com informações da NBC News. 

Fonte: sonoticiaboa

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.