Grupo do Whatsapp Cuiabá
Mundo

Javier Milei, economista renomado, conquista a presidência da Argentina com propostas inovadoras

2024 word2

Javier Gerardo Milei é o presidente eleito da Argentina. Deputado em seu primeiro mandato, o economista natural da capital Buenos Aires acaba de conquistar, aos 53 anos, o direito de comandar a pelos próximos quatro anos.

+ Leia mais notícias do Mundo em Oeste

Integrante do partido A Liberdade Avança, Milei superou a esquerda. Neste segundo turno, o oponente dele foi o atual ministro da Economia, o peronista e kirchnerista Sergio Massa.

A eleição de Milei foi anunciada pelo candidato derrotado. Por volta das 20h15, mesmo sem resultados oficiais da apuração, Massa discursou em seu bunker político. Admitiu a derrota e informou já ter se comunicado com o candidato liberal. “Não era o resultado que esperávamos”, disse o peronista.

Às 20h36 no horário de Buenos Aires, que segue o mesmo fuso de Brasília, Milei já podia ser declarado o mais novo presidente eleito da Argentina. Com 91% das urnas — que não são eletrônicas — apuradas, o liberal tinha 55,86% dos votos. O peronista surgia com 44,13%. Ou seja, não havia mais chance de as posições se inverterem.

Com o resultado, Milei virou o jogo. Isso porque ele encerrou o primeiro turno na segunda colocação, com 29% dos votos. O esquerdista Massa havia ficado na liderança, com 36%.

Ao votar no início da tarde, o representante da direita na disputa alegou que, em sua jornada enquanto presidenciável, para além de Massa. De acordo com Milei, houve propaganda de difamação contra ele. O candidato, contudo, comemorou o seu trabalho no decorrer dos últimos meses.

“Fizemos um trabalho enorme”, disse Milei, segundo o site do jornal . “Apesar da campanha da mídia e de toda a campanha suja que nos fizeram.”

Superado o segundo turno, Milei deverá assumir a Presidência da Argentina em dezembro. Durante o mandato, ele terá a companhia de sua companheira de chapa — e agora vice-presidente eleita — . Aos 48 anos, a advogada Victoria está em seu primeiro mandato como deputada.

No sistema eleitoral argentino, enquanto vice-presidente, Victoria também desempenhará a função de presidente do Senado do país sul-americano.

Presidente eleito da Argentina, Javier Milei, da direita, é crítico de “comunistas”

O candidato liberal Javier Milei vota em Buenos direita Javier Milei ArgentinaAiresO candidato liberal Javier Milei vota em Buenos direita Javier Milei ArgentinaAires
O Então Candidato Liberal Javier Milei Vota Em Buenos Aires | Foto: Reprodução/Redes Sociais

A vitória de Javier Milei representa um baque para a esquerda de dentro e de fora da Argentina. Responsável por tirar o peronismo e o kirchnerismo do poder, ele tem histórico de criticar publicamente atores “progressistas” no cenário mundial.

Enquanto candidato, o membro da coligação A Liberdade Avança afirmou que deixaria de manter relações comerciais com o Brasil e com o a China. Na semana passada, ele classificou o presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, como .

Partido de Lula, o PT anunciou formalmente .

Como presidente da Argentina, Milei terá de encarar problemas deixados pela esquerda. Atualmente, o país registra . Desvalorizado, cada dólar vale 352 pesos argentinos. Indicadores divulgados em mostram que a pobreza tornou-se problema para cerca de .

Leia também: “‘As tentativas de argentinizar o Brasil serão frustradas’”, entrevista com o economista publicado na Edição 188 da Revista Oeste

Fonte: revistaoeste

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.