Grupo do Whatsapp Cuiabá
Eventos

Aprimore a sua conexão com a natureza e a sua fé no Carnaval em Mato Grosso do Sul!

2024 word1
CRM Com Automação Canal Mídia

Nem todo mundo gosta de passar os dias de Carnaval no meio da folia. Mas isso não é motivo para deixar de aproveitar a folga já tão esperada pelo brasileiro. Para muitos, a festa cultural é sinônimo de conexão com a natureza e de fé.

🎧 Ouça abaixo reportagem da Morena FM

retiros carnaval
Grupo De Jovens Geração Eleita Da Ieadms- Assembléia De Deus (Foto: Arquivo Pessoal)

Essa é escolha da psicóloga Eveline Passinato, de 39 anos, que dessa vez optou descansar e conhecer as belezas da região de São Gabriel do Oeste.

“Sempre que podemos, optamos pelo campo, principalmente em feriados mais agitados, pois buscamos tranquilidade, liberdade e a paz que a natureza nos traz e nos proporciona com mais conexão com deus”.

Eveline Passinato

O personal treinner Everjhony Figueiredo, de 41 anos, trabalha aos finais de semana como guia turístico na região de Furnas do Dionízio, distrito de Jaraguari – a 36 quilômetros de Campo Grande – e garante; trocar a folia na cidade pela experiência em trilhas naturais é encantador.

“Um prazer imenso, toda a trilha é diferente e hoje nós temos muitas pessoas que estão saindo dessa rotina de carnaval na cidade, partindo para áreas rurais, querendo algo mais tranquilo, mais contato com a natureza e é uma experiência muito maravilhosa, sempre é algo novo, é algo maravilhoso, todas as trilhas que nós fazemos é essa troca de referência, essa socialização entre outras pessoas é muito maravilhosa, esse contato entre o homem e a natureza, ela tem muito a nos ensinar paz, tranquilidade, um encontro entre equilíbrio, entre Deus, sentir essa paz, essa tranquilidade e as pessoas falarem é isso que eu preciso”.

Everjhony Figueiredo

Segundo o guia, é nesse contato com a natureza que muitas pessoas encontram a cura para as dores da alma, como a depressão e a ansiedade.

Em busca da paz espiritual, muitos fiéis preferem os retiros nas igrejas. É o caso do enfermeiro Daniel Cespede, de 38 anos, que é pastor e reuniu 100 jovens para um Carnaval diferente neste ano. Para atrair “a turma”, a programação é bem eclética, une espiritualidade com música e orações, gincanas e muitas brincadeiras.

“Nós temos uma atenção muito especial com essa geração nova, adolescentes e jovens, e entendemos que eles precisam de um cuidado especial na saúde emocional, na saúde espiritual, e aproveitamos esse feriado prolongado, feriado de carnaval, para retirá-los totalmente de tudo que eles estão vivendo, e trouxemos eles para um em contato com a natureza, para que eles possam estar aqui mais próximos de Deus”.

Daniel Cespede

A estudante Karol Ribeiro, de 23 anos, é uma dessas jovens. É o segundo ano em que ele troca a folia pela retiro.

“Desde a última edição que eu participei, eu pude presenciar algo muito bom da parte de Deus. Experiências incríveis, uma presença do senhor, que eu nunca senti antes. E também com os jovens, conhecendo os jovens. E eu não troco isso por nada, todo ano que tiver eu vou estar aqui, não me arrependo. E eu tenho certeza que é o melhor lugar para estar”.

Karol Ribeiro

Os retiros de Carnaval também se tornaram uma tradição na igreja católica. Silizone Cristian, de 25 anos, é missionário e coordenador do ministério de comunicação social da renovação carismática católica, para ele, a festa é tempo de renovar a fé.

“Minhas para o retiro espiritual são as melhores possíveis, até porque onde dois ou mais estão reunidos, Deus está presente, e onde Deus está presente, é só alegria, só diversão e, lógico, louvor e adoração a Deus”.

Silizone Cristian

retiros carnaval 1
Jovens Da Geração Eleita Da Ieadms- Assembléia De Deus (Foto: Arquivo Pessoal)

Fonte: primeirapagina

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.