Grupo do Whatsapp Cuiabá
Política

Deputado que apalpou colega se filia ao PSDB e planeja candidatura a prefeito no interior de SP

2024 word2
CRM Com Automação Canal Mídia

O ex-deputado estadual Fernando Cury se filiou ao Partido da Social Democracia (PSDB) e deve ser pré-candidato à Prefeitura de (SP). Em 2023, ele foi condenado a um ano e dois meses de , em primeira instância, por ter apalpado sua colega de plenário Isa Penna (PCdoB-SP). 

Um evento de filiação organizado pelo diretório municipal do PSDB está marcado para o próximo , 6. Na Justiça Eleitoral, o ex-deputado, que era da União Brasil, já consta como filiado ao novo partido desde o dia 12 de março. 

Ao Folha de S.Paulo, a presidente do PSDB em Itatinga, Alexsandra Pinto, afirmou que a candidatura dele ainda é avaliada pelo partido. Apesar disso, disse que Cury deve ser pré-candidato.

Em 16 de dezembro de 2020, Cury foi flagrado pelas câmeras da Assembleia Legislativa de São Paulo se aproximando de Isa. Na ocasião, ele chegou por trás dela e apalpou a lateral do seu corpo, durante uma sessão plenária. 

A prisão do deputado foi substituída por uma multa de 20 salários mínimos. O dinheiro deve ser doado a uma entidade pública ou privada. Além disso, Cury deve prestar serviços à comunidade, pelo mesmo período da pena. Ele recorre contra a decisão. 

Cury já se identifica nas redes sociais como pré-candidato a prefeito de Itatinga. O ex-deputado tinha como residência e base eleitoral a cidade de Botucatu (SP).  

Em 8 de março, ele publicou um vídeo nas redes sociais que mostra sua mudança de domicílio. 

“Sou muito grato à cidade de Itatinga, onde obtive votações históricas nas minhas eleições de deputado estadual, inclusive sendo a cidade com maior em todo o Estado em 2022”, escreveu Cury, nas redes sociais.

: revistaoeste

Sobre o autor

Avatar de Redação

Redação

Estamos empenhados em estabelecer uma comunidade ativa e solidária que possa impulsionar mudanças positivas na sociedade.